top of page

A geração desconcentrada - sequência didática e produção de charge

Já se tornou uma reclamação unânime entre os professores: as crianças e os adolescentes têm cada mais vez mais dificuldades para se concentrar. Eles já não conseguem prestar atenção nas explicações em sala de aula (nem naquelas instruções super curtas!) e mesmo assistir a um filme se tornou um desafio - na verdade, assistir a um vídeo de 5 minutos já é algo desafiador para os jovens.


E a causa desse problema todos nós já sabemos: o excesso de telas, que traz consigo o excesso de estímulos visuais e sonoros.


E essa é uma discussão que não pode ficar restrita à sala dos professores, mas deve ser levada para a sala de aula. Precisamos discutir com nossos alunos e alunas os impactos que o uso dos celulares está gerando na vida deles, em diversos domínios: neurológicos, psicológicos, sociais etc.


Pensando nisso, elaborei uma sequência didática para te ajudar a discutir essa questão nas suas aulas. O objetivo é levar os alunos a refletirem sobre o uso que eles fazem dos aparelhos celulares e das redes sociais e sobre as consequências desse uso na vida deles. É importante também discutir estratégias que eles podem colocar em prática para minimizar esses impactos.


Abaixo, segue esse plano de aula.


Passo 1 - conversa inicial sobre o uso de celulares e redes sociais

Inicialmente, converse com os alunos sobre o uso que eles fazem desse aparelho e quais conteúdos eles consomem na internet. Seguem algumas perguntas que podem guiar a discussão:

  • Quanto tempo por dia vocês passam no celular?

  • Quais são os aplicativos que vocês mais utilizam?

  • Vocês costumam assistir a vídeos na internet? Quais tipos de vídeos? Sobre quais conteúdos? Qual é a duração média desses vídeos?


Passo 2 - Análise de charge

Para continuar a discussão, sugiro a análise da charge abaixo, do Adão Iturrusgarai. Disponibilizo também algumas questões que podem guiar essa discussão:



  • A charge aponta um problema comum a duas gerações diferentes. Que problema seria esse?

  • Embora seja um problema comum, há uma diferença no objeto alvo da reclamação. Qual seria essa diferença?

  • Qual reclamação parece mais coerente?

  • Ao longo das décadas, esse problema parece ter se agravado ou amenizado?Qual seria a causa dessa mudança?

  • Você se identifica com um dos dois grupos? Por quê?


Passo 3 - Leitura de reportagem

Sugiro a leitura da reportagem Crianças e adolescentes no celular: uso exagerado afeta o cérebro e a concentração; veja o que fazer , que discute justamente os impactos do uso de celulares e rede sociais na vida de crianças e adolescentes. Após a leitura, peça que os alunos comparem a charge e a reportagem e discutam de que maneira o conteúdo do segundo texto explica o conteúdo da charge.


Passo 4 - Produção de charge

Minha sugestão é finalizar essa sequência didática com a produção de uma charge sobre o tema. Em grupo ou individualmente, os alunos devem produzir uma charge que apresente um problema enfrentado por eles atualmente que tenha relação com o uso das telas. Ao elaborar essa charge, eles devem também trazer um ponto de vista crítico sobre o tema e podem fazer isso, por exemplo, por meio do humor ou da ironia.


Gostou dessa sequência didática? Compartilhe com outros professores.

Aproveite também para nos acompanhar em outras redes sociais: no nosso perfil no Instagram e no nosso canal no Youtube.

0 comentário

Posts Relacionados

Ver tudo

Comments


bottom of page